Qual seria a solução para a falta de segurança em Osasco?

Fonte: Guia do Turismo
A criminalidade em Osasco, bem como em toda Grande São Paulo, têm tido uma queda drástica desde a década de 90. A taxa de homicídio, por exemplo, fechou o ano de 1999, com 37,61 homicídios/100 mil Habitantes, já em 2016, caiu para 7,26/100 mil Habitantes

Porém, no ano de 2017, o número de roubos, furtos e agressões subiu absurdamente, se comparado aos anos anteriores, e isso tem gerado uma constante sensação de medo por parte da população, que por sua vez, acaba deixando de frequentar locais como praças e parques por conta da insegurança.

Em Junho de 2015, a Revista Exame publicou uma lista na qual Osasco era considerada a região mais segura da Grande São Paulo, estando a frente de todas as cidades do ABC, Capital Paulista e Guarulhos. Contudo, em Agosto de 2017, a mesma revista divulgou que Osasco é listada como a 4ª cidade mais violenta da Região Metropolitana, o que é preocupante. 

Mas qual seria a solução para esse grande problema na segurança pública do município?


High Line, o Parque Suspenso de Nova Iorque
Pode parecer brincadeira, mas não é, que tal falar de Nova Iorque? No ano de 1990, Nova Iorque chegou a dados alarmantes na criminalidade, tendo, em seu pico, cerca de 188 assassinatos por mês, figurando dentre as metrópoles mais perigosas do mundo. Hoje a cidade já chegou a registrar um dia inteiro sem registro de crime algum. Sim, uma cidade de 8 milhões de habitantes passou um dia sem registrar qualquer delito.

Pode não parecer, mas a principal mudança que Nova Iorque realizou em sua área urbana foi a revitalização de espaços públicos, para que eles passassem de fato a ser utilizados pela população. Além de colocar a sua Polícia municipal em áreas com constantes registros de criminalidade. Iluminação pública, câmeras de videomonitoramentos, manutenção de praças e parques e modernização, além da ampliação do policiamento, fizeram com que a população nova iorquina passasse a se sentir cada vez melhor dentro do ambiente urbano, o que não ocorre em Osasco.

Seria difícil realizar essas melhorias em Osasco?


"Parque da FITO", Jardim das Flores
Osasco é uma cidade com pouco menos de 700 mil habitantes, e um orçamento bilionário, sendo o Segundo maior orçamento de todo o Estado de São Paulo, porém, a maioria dos espaços públicos da cidade estão completamente degradados e perigosos.

Existem poucos casos que se salvam, como o Parque Dionísio Alves, popularmente conhecido como "Parque da FITO". O local é diariamente utilizado por moradores locais que realizam caminhadas e outras atividades ao ar livre, pois o local é bem cuidado, bem iluminado e bem equipado. Periodicamente há presença de Guardas Civis e Polícia Militar na área. Ainda é pouco, mas há.

Em contrapartida, existem Parques Municipais, como o Parque Chico Mendes, que são pouco utilizados pela população local. Mas como assim? Os moradores do City Bussocaba não gostam de parques ecológicos? Muito pelo contrário, eles querem um Parque frequentável, mas não tem. Diariamente há casos de assaltos, roubos e até agressões dentro do local, e nada tem sido feito para melhorar a situação.


Osasco
Praça no Rochdale
Não precisa ir muito longe para localizar espaços públicos mal cuidados e com falta de manutenção na cidade. As praças tornam-se escuras, cheias de mato, quase sem calçadas, e ao mesmo tempo ficam simplesmente inutilizadas pela população, o que acaba gerando mais um ponto propício a assaltos e tráfico de drogas.

Osasco precisa de uma maior eficiência da Polícia Militar, e também de um maior efetivo da Guarda Civíl Municipal. Entretanto, a cidade também precisa de espaços públicos que possam ser utilizados pela população de forma devida, para que não haja espaço para o crescimento da violência urbana, que tanto castiga os moradores do mágico mundo de Oz.

Qualquer cidadão sabe onde são os locais com maior incidência de crimes, inclusive, no site Onde Fui Roubado, o crime é muito bem mapeado. Visto isso, por que a prefeitura e a PM não focam nessas áreas de maior criminalidade e tenta combater em pequenos focos? Ao invés de prevenir mais delitos, os agentes de segurança pública sempre insistem no erro de esperar o mesmo ocorrer novamente. Por que não prevenir? 

A Segurança pública é uma junção de todos os setores da cidade. Desde o urbanismo, até o investimento em câmeras, é tudo interligado. Quanto mais investimento houver em todos os setores, maior é o bem estar da população.

Postagens mais visitadas deste blog

Manual para se entender um osasquense

O extremo potencial turístico de Osasco

E se a Zona Norte de Osasco virasse mesmo uma cidade?